CONSELHOS DE LAO TSÉ

CONSELHOS DE LAO TSÉ

A sabedoria do velho eremita que inspirou a criação das artes marciais chinesas também pode inspirar você. Que tal dedicar alguns minutinhos para refletir sobre os conselhos desse mestre?

Texto • Redação

Fonte: Triada.com.br

 

Era uma vez um sábio chinês. Depois de abandonar as riquezas de seu reino, ele passou anos andando sozinho pelas florestas e montanhas da China. Observando o mundo ao seu redor e praticando meditação todos os dias, desenvolveu um sistema filosófico para explicar a natureza da vida e o funcionamento de todas as coisas. Seu nome era Lao Tsé e sua lenda conta que, certo dia, quando tentava entrar no Tibete, ele foi detido por um guarda de fronteira, que perguntou se ele carregava algo de valor. Como respondeu que seu único bem era o conhecimento, o esperto guarda exigiu que ele deixasse toda essa sabedoria registrada. Três dias depois, Lao Tsé entregou ao vigilante aquele que viria a ser o grande livro sagrado do taoísmo, oTao Te Ching (“O Livro do Caminho e da Virtude”). Seus ensinamentos deram origem às práticas essenciais da filosofia oriental: do Yin Yang à Astrologia Chinesa, do I Ching ao Feng Shui, da Acupuntura ao Tai Chi Chuan. Vale a pena conhecer suas frutíferas mensagens e se inspirar em suas sutis lições.
 

"Quem conhece o outro é sábio
Quem conhece a si mesmo é iluminado
Quem vence o outro é forte
Quem vence a si mesmo é invencível
Quem conhece a alegria é rico
Quem conserva seu caminho é inabalável."

 

"Ser profundamente amado por alguém nos dá força; amar alguém profundamente nos dá coragem."

 

"Só temos consciência do belo quando conhecemos o feio
Só temos consciência do bom quando conhecemos o mau
O grande e o pequeno são complementares
O alto e o baixo formam um todo
O antes e o depois seguem-se um ao outro
O passado e o futuro criam o tempo
O ser e o não ser geram-se mutuamente."

 

"As palavras verdadeiras não são agradáveis e as agradáveis não são verdadeiras."

 

"O sábio não se exibe, por isso brilha. Ele não se faz notar, e por isso é notado. Ele não se elogia, e por isso tem mérito. E, porque não está competindo, ninguém no mundo pode competir com ele."

 

"Uma longa viagem de mil milhas inicia-se com o movimento de um pé."